Árvore de Natal feita com copinhos plásticos enfeita Praça Rui Barbosa, em Curitiba.

    11/12/2015

    A Praça Rui Barbosa recebeu uma decoração de Natal, com uma árvore de Copos de Neve de 9,40 metros de altura. A ideia foi de duas Designer, Djenifer Sprenger e Fernanda Zorek, em parceria com a Prefeitura de Curitiba e Regional Matriz.

    Imagem
    Foto: Luiz Costa/SMCS

    A árvore foi construída manualmente, com utilização de 53 mil copos de 200 ml e 5 mil copos de café e a utilização de 100 mil grampos.

    Os recursos para a construção vieram da Associação do Mercado Central e da Administração Regional. Toda equipe de servidores da Prefeitura se juntou para viabilizar o projeto. A estrutura da árvore é da Secretaria do Meio Ambiente, utilizada em decorações natalinas anteriores.

    “Pensamos em fazer algo para representar o Natal na Rua da Cidadania da Matriz, que está localizada em um dos centros comerciais mais populares da cidade. E a ideia apresentada é original e agradou a população curitibana”, disse o administrador da Regional Matriz, Mauricio Figueiredo Lima Neto.

    Imagem
    Foto: Luiz Costa/SMCS 

    De acordo com Djenifer, a ideia da árvore surgiu há menos de um mês, a partir da uma conversa com a amiga Fernanda. “Vimos na internet uma luminária feita de copos, amadurecemos a ideia e fizemos um projeto que deu certo”, disse Djenifer.

    Todo o projeto foi desenvolvido por um software que dimensionou o diâmetro e o quantitativo de copos que seriam utilizados para compor cada uma das 251 bolas grandes (que tem em média 155 copos) e as outras 50 pequenas, que formam a Arvore de Natal Copos de Neve.

    Para que os copos não acumulem água, foram feitos furos nos fundos e laterais dos copos, evitando que haja focos e proliferação do mosquito Aedes Aegypti.

    Sentada em um dos portais de entrada do Mercado Central, rodeada de copos plásticos, fios de nylon, Djenifer trabalhou concentrada nesta sexta-feira (4), e ao mesmo tempo sorridente, com a finalização das bolas da árvore.

    A designer passou a ir todos os dias na Regional Matriz, nas últimas semanas, para se dedicar à produção das bolas e levantar a árvore o mais breve possível. Ela destaca o apoio de toda equipe da regional Matriz e da sua família. “Foi uma satisfação ter a ajuda de todos. Achamos que iriamos fazer sozinha, mas fomos acolhidos pelos servidores da Regional, que são especiais, carinhosos e nos ajudaram para termos um natal diferente em Curitiba”, disse.

    Ela ficou impressionada com o grande volume de pessoas que procuram os serviços da Prefeitura na rua da Cidadania. “Eu não fazia ideia que tinha um número absurdo de pessoas que circulam na Rua da Cidadania para procurar os serviços da Prefeitura. Eu achava que as pessoas só compravam aqui. Mas as pessoas vem almoçar, vem tratar de diversos assuntos” contou.

    A árvore já chama a atenção de quem passa pela praça. “Achei diferente e ficou muito bonita, perfeita. Isso encanta a cidade” disse Ana Rosa Pingas, moradora no bairro Lindóia.

    Assim que forem concluídos os trabalhos estéticos da árvore, entrará em cena a iluminação, com o uso de holofotes. Segundo Djenifer, as pessoas já perguntam quando a árvore será desmontada para levar uma bola de lembrança. “Achei emocionante isso e acredito que podemos pensar numa doação para que as pessoas levem um pedacinho de Curitiba para suas casas”.

     

    Próximos Eventos

    37º Encontro Nacional do Plástico | Edição Online

    27/11/2020 - Online

    Saiba Mais

    © 2018 - ABIPLAST - Associação Brasileira da Indústria do Plástico - Todos os direitos reservados.