Produção de transformados plásticos cai 8,7%

    23/02/2016

    A produção da indústria brasileira de transformados plásticos caiu 8,7% em 2015 em relação a 2014, com a fabricação de 6,1 milhões de toneladas de artefatos, informou ontem a Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast).

    De acordo com a entidade, a queda foi a pior enfrentada pelo setor desde a crise internacional de 2008, período em que a produção caiu 13,3%.

    A retração foi motivada pelas quedas “significativas” de importantes indústrias que demandam plásticos, como o setor automotivo (-25%), alimentos (-2,4%), bebidas (-5,4%), eletroeletrônicos (-30%) e higiene e perfumaria (-3,8%), explicou a Abiplast, em nota.

    Por um lado, o dólar está auxiliando os setores a aumentarem sua competitividade no mercado externo, avaliou a associação, que reportou crescimento de 8,8% nas exportações do segmento em 2015. Da mesma forma, porém, o dólar impacta os custos da indústria e os preços de matéria-prima, que são em parte comercializadas na moeda americana.

    “Infelizmente, ainda não vemos alteração desse cenário, em 2016 estimamos um recuo de 3,5% na produção do setor de transformados e de 1,3% no emprego”, afirmou na nota o presidente da Abiplast, José Roriz Coelho, destacando que o setor já fechou quase 30 mil postos de trabalho. “Somente as exportações devem seguir com um desempenho positivo, de 12%”, concluiu ele.

     

    Próximos Eventos

    WEBINAR PERSPECTIVA DO MERCADO DE RESINAS NO BRASIL

    02/12/2020 - ONLINE

    Saiba Mais

    © 2018 - ABIPLAST - Associação Brasileira da Indústria do Plástico - Todos os direitos reservados.