Notícias

Frente Parlamentar da Cadeia da Reciclagem visita região

Quarta-feira, 14 de Março de 2018, 10:14:37
Tamanho da Fonte
Diminuir Fonte
Aumentar Fonte
Frente Parlamentar da Cadeia da Reciclagem visita região

Deputado federal gaúcho esteve no Sul de Santa Catarina, onde fez visitas técnicas às empresas do segmento de descartáveis plásticos e indústrias recicladoras. Evento contou com apoio do vereador Aldinei Potelecki (PRB/SC) na articulação. Projetos de Lei (PL) de interesse do setor foram pautas de reunião ao final do dia.

Nesta segunda-feira (12), São Ludgero (SC) principal polo produtivo de descartáveis e o segundo maior polo de indústrias recicladoras de plásticos em nível nacional, recebeu a visita do deputado federal Carlos Gomes (PRB/RS), presidente da Frente Parlamentar de Incentivo à Cadeia Produtiva da Reciclagem, que realizou visitas técnicas junto às empresas do segmento de descartáveis plásticos e indústrias recicladoras, acompanhado dos representantes do setor e empresários.

A iniciativa surgiu no ano passado quando o deputado foi nomeado relator de projetos de lei que tramitam na Câmara Federal contra produtos do setor. Os PLs 2293/2015 e 4423/2016, sob a relatoria do parlamentar federal, versam no sentido de vetar e proibir copos descartáveis e bandejas de EPS (isopor) sob a justificativa de inviabilidade técnica e econômica da reciclagem destes produtos. Desde então, a Associação Brasileira de Descartáveis (Abrade), juntamente com a Associação Brasileira das Indústrias Plásticas (Abiplast), aguardavam a vinda de Carlos Gomes à região para discutir o assunto e esta só aconteceu graças à articulação de Aldinei Potelecki (PRB), vereador em Criciúma (SC), junto ao presidente da Frente Parlamentar de Incentivo à Cadeia Produtiva da Reciclagem.

Foram feitas quatro visitas ao longo do dia na região de São Ludgero, nas quais o deputado pôde conhecer o polo de descartáveis, algumas indústrias recicladoras de EPS (isopor) e de copos descartáveis pós-consumo de poliestireno (PS) e polipropileno (PP).

A agenda oficial foi encerrada com uma reunião realizada no auditório da Cooperativa de Eletricidade de São Ludgero (Cegero), onde foram apresentados números e dados dos setores e debatidos temas como Economia Circular, as vantagens e benefícios da reciclagem, instrumentos de incentivo necessários ao desenvolvimento da atividade.

"O objetivo das visitas foi de subsidiar o relator para que ele pudesse conferir pessoalmente a realidade das empresas, apresentando os processos produtivos e demonstrando a viabilidade da reciclagem e a importância destes segmentos para a economia, especialmente da região", explica Elias Caetano, executivo da Abrade.

O segmento reciclador da região conta com aproximadamente 60 indústrias que empregam diretamente cerca de mil trabalhadores. No segmento de descartáveis, são 52 empresas que empregam 4,4 mil pessoas.

"Os copos descartáveis e bandejas de EPS não causam problemas, os problemas passam a existir a partir do seu descarte pós-consumo inadequado, pois deveriam ser encaminhados para reciclagem gerando economia de recursos naturais e energia, criando novos postos de trabalho, renda, inclusão social e novos impostos através de novos produtos plásticos. Proibir alguns produtos isoladamente não surtirá o efeito desejado, a solução completa e mais adequada passa pela didática dos "3 R's - Reduzir, Reutilizar e Reciclar" aliados à Educação Ambiental e para o consumo consciente e políticas efetivas de estímulo à reciclagem" conclui Caetano.

Mais informações:
Elias Caetano: (48) 99139-7558 (Secretário executivo Abrade)

Voltar