ASSOCIAÇÃO LATIONAMERICANA DA INDÚSTRIA PLÁSTICA DISCUTE SUSTENTABILIDADE NA FEIPLASTIC

    23/04/2019

    Representantes de entidades ligadas à Associação Latino-Americana da Indústria Plástica (ALIPLAST) compartilharam experiências e as melhores práticas de sustentabilidade em reunião nesta terça-feira (23), durante a FEIPLASTIC – Feira Internacional do Plástico. O encontro aconteceu no estande da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (ABIPLAST), entidade responsável pela iniciativa da feira, e reuniu membros do Brasil, Argentina, Peru e Uruguai, que compartilharam os cenários do setor em suas respectivas nações.

    Verónica Ramos, diretora executiva da Ecoplas – associação argentina sem fins lucrativos especializada em plásticos e meio ambiente que trabalha há mais de 25 anos em prol da economia circular –, iniciou a plenária apresentando o trabalho realizado no país vizinho. Foi explicado que a organização atua junto ao governo para promover legislações sustentáveis, realizam campanhas de comunicação para valorizar o material plástico, capacitações e ações de educação ambiental, bem como criaram uma certificação de plásticos recicláveis para embalagens.

    Os desafios relacionados a leis de proibição de produtos plásticos foram trazidos à mesa pelos presentes. O membro do Conselho Diretivo da Associação Peruana da Indústria Plástica (APIPLAST), Juan Matsusita Manabe, informou que já existe uma lei que proíbe gradualmente o uso de sacolas plásticas no Peru. Já o diretor da Câmara de Indústrias do Uruguai (CIU), César Bourdiel Blanco, explicou o plano de gestão de embalagens existente em seu país.

    Já o presidente da ABIPLAST, José Ricardo Roriz Coelho, comunicou que existem 90 leis que visam a redução ou a proibição do consumo de plástico no Brasil. “Temos atuado junto a trabalhadores para falar dos benefícios da manutenção da indústria, como a geração de empregos, ao contrário da proibição”, disse. Roriz divulgou também a iniciativa da REDE DE COOPERAÇÃO PARA O PLÁSTICO, criada em abril de 2018. “Ao longo do ano, agregamos 80 empresas nesse grupo e temos tido um resultado bastante satisfatório”, mencionou.

    O presidente da Câmara Argentina da Indústria Plástica (CAIP), Antonio Paolini, ressaltou ainda os desafios de imagem do material plástico – problema compartilhado pelos outros países. “As pessoas não veem todos os benefícios do plástico. O plástico não chega sozinho ao mar, somos nós que os colocamos lá”, comentou. Roriz concordou que “precisamos conscientizar a população para o descarte correto”.

    No encontro, os presentes compartilharam ainda números regionais do setor e discutiram legislações tributárias. O próximo encontro da ALIPLAST deve acontecer em setembro na IX Feria IPLAS Internacional, em Guayaquil, no Equador.

    Próximos Eventos

    SIMPÓSIO INTERNACIONAL SOBRE TECNOLOGIA DE PLÁSTICOS

    24/02/2021 - ROYAL PALM INDAIATUBA - INDAIATUBA

    Saiba Mais

    © 2018 - ABIPLAST - Associação Brasileira da Indústria do Plástico - Todos os direitos reservados.