ABIPLAST E COFABI, EM PARCERIA COM A STARTUP DE LOGÍSTICA REVERSA YATTÓ, E PATROCÍNIO DA BRASKEM, LANÇAM PROGRAMA DE RECICLAGEM PARA BALDES PLÁSTICOS

    05/09/2022

    Projeto Descarta Aí inaugurou o primeiro de dezoito pontos de coleta, na principal loja da rede Telhanorte, localizada na Marginal Tietê em São Paulo, o programa visa incentivar a reciclagem de baldes plásticos e suas tampas após o uso

    Créditos: Divulgação

    Os baldes plásticos estão ganhando cada vez mais representatividade no mercado de embalagens para tintas imobiliárias e outros produtos da construção civil. Pensando na destinação inadequada desses resíduos em aterros sanitários, a Câmara Setorial dos Fabricantes de Baldes Industriais (COFABI), da ABIPLAST, juntou-se a Yattó, especialista em logística reversa e economia circular, para estruturar um programa de logística reversa para esses resíduos. No mês de junho foi inaugurado o primeiro de dezoito pontos de coleta na principal loja da rede Telhanorte, localizada na Marginal Tietê em São Paulo, capital.

    O programa Descarta Aí visa aumentar a taxa de reciclagem de baldes plásticos pós consumo promovendo a destinação adequada desses materiais. No total serão dezoito pontos de coleta, concentrados em lojas de tintas e materiais de construção nos estados de São Paulo, Paraná e Ceará.

    O programa é uma iniciativa da COFABI, e conta com o patrocínio da Braskem e apoio financeiro das principais empresas produtoras de baldes industriais do país: AlphaPlast, Barripack, Bomix, Chamfer, Fibrasa, Groupack e Jaguar Plásticos. Além disso, o programa conta também com o apoio institucional da Associação Brasileira dos Fabricantes de Tintas (ABRAFATI) e do Sindicato do Comércio Varejista de Material de Construção, Maquinismos, Ferragens, Tintas, Louças e Vidros da Grande SP (SINCOMAVI).

    O desenvolvimento, a implementação e a operacionalização do sistema de logística reversa é de responsabilidade da Yattó, que já realiza projetos paralelos com marcas do setor como Suvinil e Vedacit. Além da inteligência, a startup também operacionaliza todo o serviço relacionado à coleta, transporte e destinação de resíduos, garantindo atendimento aos critérios legais e normas ambientais. Outro aspecto importante é a rastreabilidade oferecida em toda cadeia, do início à destinação final, com relatórios para comprovação.

    O projeto também disponibiliza gratuitamente toda a estrutura de armazenamento dos resíduos para os lojistas, assim como materiais digitais de comunicação, orientação e conscientização voltados aos consumidores; certificados de cumprimento frente a logística reversa e suporte em toda operação.

    Como o programa funciona?

    Créditos: Divulgação

    A interação com o projeto começa no ponto de venda, por meio do contato com os materiais de comunicação e conscientização. Durante o atendimento, o cliente é incentivado pelo lojista a retornar a embalagem pós-consumo ao ponto de coleta mais próximo.

    Após o descarte adequado dos resíduos no ponto de coleta, o lojista realiza o armazenamento temporário das embalagens pós-consumo, em infraestrutura própria fornecida pelo Descarta Aí. A seguir, uma empresa especializada e devidamente homologada pelo programa realiza a coleta periódica dos resíduos e os baldes são encaminhados para a reciclagem ou aproveitamento energético.

    Lojas ou estabelecimentos de construção civil que desejem aderir ao programa, podem entrar em contato com o time Institucional da Yattó via e-mail contato@yatto.com.br.

    Próximos Eventos

    PLASTICS SUMMIT GLOBAL EVENT

    17/10/2022 -

    Saiba Mais

    © 2018 - ABIPLAST - Associação Brasileira da Indústria do Plástico - Todos os direitos reservados.