Bicicletários produzidos com material 100% reciclado

    04/07/2016

    A Braskem, maior petroquímica das Américas, está doando 30 paraciclos feitos com material 100% reciclável para a cidade de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. A inauguração dos bicicletários será realizada no dia 30 de junho, sendo que as primeiras 15 unidades instaladas na Reserva Biológica do Parque Equitativa serão entregues, às 10h, pelos funcionários da Braskem Ana Fragomeni, da área de Segurança e Meio Ambiente, e Daniel Fleischer, Relações Institucionais, para o Prefeito Alexandre Cardoso, ao Secretário do Meio Ambiente, Luiz Renato Vergara, e à Presidente da FUNDEC, Professora Sueli Lemos. O local foi escolhido para atender os alunos da unidade FUNDEC Verde e os demais usuários da ciclovia de Santa Cruz da Serra. Os outros 15 paraciclos, instalados em frente ao Teatro Raul Cortez e Biblioteca Municipal, serão entregues, às 11:30h, por Carlos Alfano, gerente industrial de produção da Braskem, ao Prefeito Alexandre Cardoso e ao Secretário da Cultura e Turismo, André Oliveira.

    Cada paraciclo comporta duas bicicletas e foram projetados para suportar ações de vandalismo e oferecer segurança para os ciclistas. O mobiliário pesa 19,5 quilos, cada um, o equivalente a 4.350 mil sacolinhas plásticas recicladas. Os equipamentos dessa parceria recebem nas placas de identificação o selo Wecycle da Braskem, programa que estimula o reaproveitamento e a reciclagem em iniciativas com clientes e dentro da cadeia petroquímica.

    A criação dos paraciclos surgiu de uma parceria entre a Braskem e Suzuki Recicladora, que juntas desenvolveram os equipamentos buscando ampliar o conceito de sustentabilidade ao unir o uso de material reciclado e o incentivo a mobilidade urbana por veículos que não emitem poluentes, priorizando a instalação em espaços públicos culturais. As primeiras unidades desenvolvidas foram implantadas em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde o projeto nasceu.

    Posteriormente também foram entregues unidades em Salvador e Camaçari, na Bahia. Agora o projeto está sendo expandido para o Rio de Janeiro, onde há muitos ciclistas. “Esse projeto tem como objetivo dar suporte para quem pedala, com o benefício adicional de mostrar a viabilidade da reciclagem dos plásticos. Melhorando a estrutura, incentivamos o uso das bicicletas como meio de transporte, o que contribui com a saúde individual e coletiva da população”, explica Carlos Alfano, gerente industrial de produção da Braskem.

    A companhia também pretende instalar mais 30 paraciclos nas unidades produtivas da empresa em Duque de Caxias e na capital carioca.

     

    Próximos Eventos

    WEBINAR PERSPECTIVA DO MERCADO DE RESINAS NO BRASIL

    02/12/2020 - ONLINE

    Saiba Mais

    © 2018 - ABIPLAST - Associação Brasileira da Indústria do Plástico - Todos os direitos reservados.